Corretoras de moedas digitais que ja sofreram cyber-ataques

Guardar seus bitcoins para investir a longo prazo nas corretoras do mercado não é o mais recomendado a se fazer. Porém se você trabalha com trading não tem muita opção. Escolher uma corretora levando em consideração apenas sua movimentação nem sempre é um bom negocio.

Ao longo dos anos com a enorme valorização do Bitcoin chamando muita atenção, muitas corretoras sofreram ataques hackers e deixaram muitos usuários com um grande prejuízo.

Mt.Gox

Valor total roubado: 480.000.000 USD.

Em fevereiro de 2014, a Mt.Gox entrou com um pedido de falência alegando que havia perdido 850 mil Bitcoins. O equivalente a cerca de 7% do total de Bitcoins que existia no mercado.

O CEO Mark Karpeles declarou falência alegando que havia sofrido um ataque hacker. Logo depois teve seu blog pessoal invadido por hackers que deixaram um recado, mostrando as ultimas transações realizadas e dizendo que não foram os causadores desse grande golpe.

Bitfinex

Valor total roubado: 72.000.000 USD.

A Bitfinex, uma das maiores casas de cambio de Bitcoin do mundo sofreu um ataque hacker no dia 2 de agosto de 2016. Gerou uma perda de mais de 120 mil Bitcoins, ou seja, 0,72% de todos os bitcoins que estvam disponíveis naquele momento. Foi considerado a segunda maior falha registrada na rede.

Esse ataque desencadeou uma queda enorme no preço do Bitcoin no dia seguinte. Aproximadamente 23%. A empresa ofereceu tokens aos usuários lesados. Tempos depois, recomprou esses tokens ressarcindo assim a todas as pessoas.

Poloniex

Valor total roubado: 12,3% dos Bitcoins guardados.

A Exchange Poloniex perdeu 12,3% dos seus bitcoins devido a uma falha em seu sistema. O CEO determinou que fosse reduzido em 12,3% o saldo de todos os usuários, para que a perda fosse dividida. Com receio de que todos retirassem seus bitcoins da plataforma imediatamente. Além disso, aumentou as taxas para que pudesse aumentar seu saldo para restituir os danos.

Portanto, para os traders, o aconselhável é sempre diversificar o saldo que utiliza para realizar operações nas corretoras. Se você é um investidor de médio ou longo prazo, o recomendável é manter em carteiras com alto nivel de segurança. Por exemplo: Ledger ou Trezor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *